1 de agosto de 2017

A frivolidade - editorial

Eu ando querendo desabafar mesmo! Aaaaah! E você? Tem algo pra desabafar? Manda seu desabafo pro e-mail: blogserenawest@yahoo.com, pode ser anônimo ou não!


"você conhece se árvore é boa, quando os frutos dela são bons"

Mas como eu ia dizendo, o mundo anda mal das pernas, dos braços e pior, anda mal do coração. E eu sei que isso acontece há muito tempo, isso vem se refinando com o passar dos anos e com o aumento da tecnologia, que em alguns aspectos, tornou as pessoas mais solitárias e mais frívolas. Para cada 1 notícia boa no jornal, jorram 20 notícias ruins, para cada 1 boa atitude de uma pessoa para com a outra, acontecem 100 atitudes más, e eu me pergunto, onde vamos parar? A Bíblia fala de um tempo onde o amor de muitos se esfriaria, mas ela também fala que é pra eu não me conformar com as coisas deste mundo. Nós não podemos nos conformar, mas o que podemos fazer? A minha resposta seria o que podemos refazer, reconstruir, nossa sociedade precisa de homens e mulheres dispostos a reerguerem alguns muros, alguns palácios, algumas construções. O mundo de hoje necessita conhecer o amor, o respeito, a misericórdia, a boa fé, o falar bem do outro, o evitar escândalos, o mundo precisa de homens de mulheres que tenham o coração útil, necessário, importante, indispensável, imprescindível, fundamental, essencial, prudente, responsável, sensato, sério, ponderado, consciencioso, consciente, cauteloso, acautelado. O mundo precisa de tudo que seja o antônimo de frívolo. O mundo precisa de pessoas seguras e corajosas, que não precisem colocar o outro pra baixo pra se sentirem bem, precisa de homens e mulheres com o pensamento curado, um pensamento que se volta pra prática do bem, que gasta seu tempo, maquinando coisas boas, cultivando pensamentos bons, o mundo precisa de homens e mulheres que sejam justos e não juízes uns dos outros como se anda vendo por aí. Somente o amor, conseguirá quebrar a barreira entre o pensar e o fazer e o mundo de hoje precisa de pessoas ousadas que façam o bem e lutem contra as frivolidades que tem nos cercado.

Um bju, e amanhã tem mais, este mês será todo dedicado a boas ideias transformadoras!
Postar um comentário